Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Cheiro de nada

por Catarina, em 18.05.17

Ao longo dos anos, conforme vamos crescendo, adquirimos alguns hábitos sem os quais já não passamos. Primeiro começamos com o creme e a base, depois vem o pó, depois a máscara de pestanas e de repente já não saímos sem a maquilhagem completa. No meu caso, e para além disto claro, não consigo sair de casa sem brincos e até já cheguei a ter um par de emergência na carteira para não ter de voltar atrás. (Agora que penso nisso não sei onde foram parar...)

Também o relógio, ou o espaço que ocupa no meu pulso, se sente despido se não vier comigo, e mesmo nesta época costumo fazer-me acompanhar de uma écharpe... dá sempre jeito, e o pescoço fica mais descansado.

Mas hoje o que escapou mesmo foi o perfume! Já estava no carro com a chave na ignição quando dei por isso. Podia ter voltado atrás porque eram só uns minutos de atraso no total, mas a preguiça não deixou e por isso vim com esta sensação de cheiro de nada. É parvo porque os produtos que usamos já deixam um cheirinho agradável, mas sinto que me falta qualquer coisa quando falha o perfume. Também já andei com amostras de perfume na mala para estas ocasiões...mas eventualmente acabam, ou desaparecem, o que nas minhas malas até é mais provável. (Fala o carregador de telemóvel que está missing in action desde sábado passado...)

Autoria e outros dados (tags, etc)



Mais sobre mim

foto do autor



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D