Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Constatação

por Catarina, em 01.09.17

Um mal nunca vem só...

 

Cheguei cedo ao escritório; Já que é sexta feira e quero sair cedo dava-me jeito.

 

Estava sozinha na minha sala, perfeitamente instalada quando aparece um mosquito. 

 

O dito cujo percorreu todas as teclas do teclado, os dois ecrãs, o meu caderno, a minha agenda e todas as canetas e lápis da mesa.

 

Pousou no telemóvel e até na minha mão pronta para o espalmar desta para melhor.

 

E eu sem conseguir ver-me livre dele.

 

Até que BAM, foi-se, na esquina do ecrã.... Temos pena; Não nem por isso. 

 

Limpo o estrago, deito no lixo e volto a sentar-me.

 

Não, os outros mosquitos não vieram ao funeral...

 

Eu é que ao sentar-me passei com a roda da cadeira por cima de um dedo. Não perguntem, consigo sempre fazer coisas destas sem saber bem como.

Autoria e outros dados (tags, etc)



Mais sobre mim

foto do autor



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D