Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Congrats to me?! Um ano de Idem Aspas

por Catarina, em 05.09.17

Quando comecei este blogue não tinha uma visão definida; sabia que queria um espaço para desabafar, para contar as coisas que não conto, para exorcizar os medos, as ânsias e outros demónios que aqui habitam por vezes. Sabia que não queria partilhá-lo com os amigos ou com a família, deixaria de ter a sua função se o fizesse, deixaria de ser livre de aqui escrever, e isso seria sufocante, e um projecto gorado. 

 

No início era uma "blogger" anti-social, como sou um bocadinho na realidade; Visitava pouco, comentava menos ainda; Por vezes não sabia bem se queria responder a comentários, se queria esta forma de interacção. Resolvi deixar-me guiar pelo instinto, respondia quando queria, quando achava que tinha algo a dizer; Aos poucos fui ganhando pequenos afectos por alguns espaços e pelas pessoas; fui-me identificando com umas mais, com outras menos, fui seguindo uns mais outros menos. Ainda não sou muito constante nesta "relação", ainda não sei se amanhã não vou dar um shut down nisto tudo, e acreditem, sou muito boa a dar shut downs nas coisas, para o bem e para o mal não costumo ter duas palavras, cumpro o que digo, vivo segundo essas minhas regras, e mesmo que por vezes me apeteça quebrá-las por norma isso não acontece.

 

Este espaço tem cumprido a sua função na perfeição, aliás, conseguiu surpreender-me na medida em que me fez mudar algumas atitudes. Como disse, comecei em modo anti-social, só mesmo há uns meses comecei a usar tags (pensava para que alguém vai precisar disto?), comecei a adicionar cada vez mais blogues ao feedly, e por vezes faço aquele esforço de ir guardar um post nos favoritos, ou deixar um comentário a alguém.

Ao fim de três meses escrevi este post em que "cumpria" o ritual dos três meses; nessa altura disse para mim, "agora vamos ver se chegas a um ano"!

 

Quando criei o blogue fui muito cuidadosa na sua imagem; como designer que sou fiquei-me pelo lema "less is more" e poupei na cor, na imagem, em tudo basicamente! Tinha medo de me fartar rapidamente, mas percebi depois que só lhe vejo os bastidores e portanto quanto muito o aspecto do blogue acaba por ser enfadonho para quem o vê de fora, penso eu...nem toda a gente tem este handicap de designer!!

 

Em jeito de balanço de actividades posso dizer que durante um ano passaram cá mais de 9.000 pessoas, Janeiro e Maio foram os meses mais "lidos" e os leitores têm servidores a passar em 19 países diferentes de 4 continentes!  O meu post mais lido não foi dos que me deu mais prazer a escrever, nem acho que seja o mais engraçado, mas foi daquelas situações em que o blogue cumpriu a sua função e eu exorcisei o desespero que sentia, e foi também quando me deparei com um mundo gigante aí fora pela blogoesfera, que sofria do meu mal!

 

Gostava de deixar um "obrigada" a todos os que já passaram por aqui, que leram qualquer coisa, que tiveram a paciência de parar e manifestar-se de alguma forma.  Outro à equipa do Sapo pelos incentivos e destaques que nos deixam sempre embevecidos, e mais um a todos e todas bloggers com quem eu vou, melhor ou pior (!), interagindo! (Joana, Happy, T., C.S..) 

Só mais um? Sim, agora só mais um, especial, porque acho que é alguém que faz uma diferença enorme neste espaço; Alguém que tem a capacidade de receber um novo blogue fazendo-nos "sentir em casa", obrigada Chic'Ana, porque de todos nós tu dás aquele emempurrãozinho que alguém, quando dá os primeiros passos, precisa!

 

Agora bora lá pôr ordem na casa que ainda temos mais umas coisas para escrever!

 

Imagem daqui

 

PS: Agora que já percebi que não olho para o blogue assim tantas vezes vou tratar de lhe dar um arzinho mais vivo para vocês!

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Cut the crap #8

por Catarina, em 04.09.17

No Verão costumava sempre aproveitar para mudar os pequenos almoços; Já era ceto e sabido que aí por volta de Março estava pelo nariz com o chá e as torradas.

 

Este ano não foi excepção, ou melhor, foi mas noutro sentido; Já tinha feito muitas mudanças no que toca aos pequenos almoços, e cheguei à conclusão que o que funciona melhor é a diversidade. Se há dias em que me apetece um café com leite, lá sai um café directamente ao encontro de uma caneca de leite de amêndoa (estou fã da versão sem açúcar da Alpro que tem um sabor tostado e que fica bem com tudo), mas se me apetecer em vez disso um abacate também vai, ou um iogurte, ou granola; 

 

O que tenho de fazer é garantir que tenho sempre em casa as coisas que preciso para as diferentes versões, e assim fica mais fácil decidir na hora. Já percebi que nos dias em que isso não acontece acabo por comer o mesmo com a preguiça.

 

Hoje experimentei uma ideia nova, mas sei que tenho pouco tempo para a aproveitar porque quanto mais o tempo arrefecer mais difícil será para mim comer algo frio de manhã;

A ideia é fazer um pequeno almoço por camadas; devia usar um frasco ou recipiente de vidro, mas para experimentar usei mesmo um copo da cozinha;

A primeira camada seria de granola, mas como ainda tem estado calor para ligar o forno e não tinha granola caseira optei por uma mistura de amêndoas e nozes esmagadas com flocos de aveia.

A segunda camada inventei ao acrescentar trigo puff (tipo arroz tufado);

A terceira camada foram mirtilhos frescos, mas pode ser outra fruta que queiram;

A quarta camada é iogurte envolvido com sementes de chia, e às quais juntei as de papoila; Já tinha feito algumas receitas com sementes de chia e portanto não foi novidade que por absorver a água a chia acaba por transformar o iogurte num autêntico pudim da noite para o dia!

Para terminar coloquei mais fruta: framboesas e mirtilhos;

 

Só faltou um pouco de agave porque o iogurte skyr é bastante forte e um pouco ácido de forma que me faltava um doce para atenuar.

 

Mais uma vez: o segredo aqui é a diversidade e quanto mais inovar menos enjoo.... pelo menos até ao Inverno! (Quem tiver sugestões saudáveis a "quente" por favor avise!)

 

20170903_221529-1.jpg

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Felicidade é...

por Catarina, em 02.09.17

Ir buscar a encomenda online da Mango, sabendo que não tinha bem a certeza dos tamanhos, experimentar e ter vontade de ir à varanda gritar: "Serviu, Serviu!!!!!!!".

 

Afinal as férias não foram assim tão más!

Autoria e outros dados (tags, etc)

A saga dos livros

por Catarina, em 01.09.17

Como já referi noutras vezes, a minha mãe é professora. Cresci numa casa recheada a estantes de livros e dicionários, de dossiers e cadernos, de tudo e mais alguma coisa.

Se há coisa que sempre houve de sobra eram manuais escolares; A polémica não é nova, todos os anos de adopção de manuais as editoras enviavam às escolas e aos professores os manuais para analisarem e escolherem; No final claro que ninguém os recolhia de volta, ficavam com o professor assumindo que ia ser utilizado como manual da turma, mesmo que o escolhido fosse de outra editora; mas não é sobre isto que quero falar, até porque depois desta polémica parece que há efeitos positivos e a avalanche de manuais foi menor!
 
Isto tudo à conclusão que todos os anos se acumulavam mais e mais livros, mais e mais papel… não admira portanto que as traças fossem os nossos animais de estimação.
 
O ano passado por esta altura a minha mãe fez uma escolha (fazia uma quase todos os anos, mas esta foi maior) e libertou tudo o que não utilizava;
 
Encheu dois sacos que ficaram à porta à espera de melhor destino: a reutilização!
 
Fez vários contactos para saber onde entregar os livros, ou se os poderiam ir buscar… afinal aqui tinha um peso medonho; Ao fim de várias tentativas a Junta de Freguesia disse que os recebia…mas eles não iam sozinhos;
 
 
“Catarina tens de ir levar os livros à junta!”
 
“Oh filha, vá lá, isto está aqui a empatar o hall de entrada”
 
“Oh Catarina quando vais levar estes livros à junta?”
 
“É verdade, ainda lá estão os livros para ir levar à junta”
 
“Olha lá, quando é que te dá jeito ires levar os livros à junta?”
 
 
Estão a ver a ideia certo? A Catarina encanou a perna à rã até não poder mais… A verdade é que não dava jeito… a Junta é ao pé da minha mãe mas só abria às 9h e o meu trabalho ficava longe.
 
Ante-ontem a minha mãe usou a palavra mágica:
 
“Catarina, estes livros têm de sair daqui… apareceram aqui traças!!!”
 
 
E a Catarina? “Vou já buscá-los amanhã! Entrego na junta aqui ao pé do trabalho, ou na biblioteca, logo vejo!!!”
 
 
Moral da história…. não valeu de nada pedir com jeitinho; O que me fez mexer mesmo o rabo foi a ideia das traças em casa, portanto com um bocadinho de vontade resolvi tudo em menos de 24 horas!
 
De bónus ainda descobri que a biblioteca/centro de recursos aqui da freguesia recebe outros livros sem serem escolares e portanto já sei onde aliviar as estantes lá de casa!
 
 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Constatação

por Catarina, em 01.09.17

Um mal nunca vem só...

 

Cheguei cedo ao escritório; Já que é sexta feira e quero sair cedo dava-me jeito.

 

Estava sozinha na minha sala, perfeitamente instalada quando aparece um mosquito. 

 

O dito cujo percorreu todas as teclas do teclado, os dois ecrãs, o meu caderno, a minha agenda e todas as canetas e lápis da mesa.

 

Pousou no telemóvel e até na minha mão pronta para o espalmar desta para melhor.

 

E eu sem conseguir ver-me livre dele.

 

Até que BAM, foi-se, na esquina do ecrã.... Temos pena; Não nem por isso. 

 

Limpo o estrago, deito no lixo e volto a sentar-me.

 

Não, os outros mosquitos não vieram ao funeral...

 

Eu é que ao sentar-me passei com a roda da cadeira por cima de um dedo. Não perguntem, consigo sempre fazer coisas destas sem saber bem como.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Pág. 3/3



Mais sobre mim

foto do autor



Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D





subscrever feeds