Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



I'm not done changing

por Catarina, em 24.08.17

Vira e mexe e volto ao mesmo sítio.

 

Dizem que tudo é cíclico, o mundo, tudo.

 

Acho que também sou cíclica... volta e meia estou no mesmo impasse, a questionar as mesmas coisas, a pensar nos mesmos problemas, a reflectir as mesmas questões sem fazer nada, sem tomar qualquer decisão, sem mudar nada ainda que me sinta num impasse. Na confusão do meu cérebro fico quieta e espero que tudo passe; espero o momento oportuno em que algo de bom vai varrer da minha mente tudo o que me está a consumir. 

 

E isto repete-se...e repete-se. 

 

Por vezes acho que o pior é eu saber as respostas...lá no fundo sei as respostas; Mas essas não me servem, não estou completamente confortável com elas, prefiro ignorar, tomá-las por incertas, fingir que não sei.

 

Ultimamente tenho pensado que precisava de mudar algo na minha vida; Não sabia o quê, mas sentia que estava a estagnar...em tudo, e não tudo de forma positiva.

 

Ontem chamaram-me à sede; Pensei que era um assunto, afinal era outro.

 

Têm planos para mim, muito diferentes do que esperava.

 

Bons planos para me fazer crescer enquanto profissional, para me abrir horizontes; Trabalhar noutros projectos, assumir mais responsabilidades, trabalhar com outras pessoas; Algumas dessas já conheço e gostei da ideia também por isso.

 

O problema? Vou sair da minha zona de conforto... Do meu spot de estimação nos últimos dois anos; Do espaço que já conheço tão bem que me lembro do antes e do depois; Deixar a minha secretária só minha, carregada com a minha pilha de livros, a minha caneca, a caixa do chá, o meu segundo ecrã, o meu tabuleiro de papéis, a minha parede com cartazes colados, a minha equipa mais querida!

 

Quando me disseram senti o chão a fugir...gritei para dentro "Nãooooooo"; Depois tive de admitir que era o melhor para mim.... sair da rotina e do espaço de conforto, encontrar novos desafios para superar. Acabei por pensar que alguém tinha decidido mudar algo por mim e a isso chamo destino.

 

Vai doer à brava, mas sei que vou fazer um esforço para encarar isto da forma mais positiva possível. No fundo sei que pode ser bom.

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.



Mais sobre mim

foto do autor



Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D





subscrever feeds