Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Sabores da infância

por Catarina, em 12.03.18

Costa da Caparica.

 

Algures nos anos 90.

 

Desde pequenina, um pigmeu ainda, e tinha a mania de beber o restinho do café que ficava no fundo da chávena da minha mãe. No fundo, no fundo, era apenas açúcar com sabor a café, mas tomei-lhe o gosto.

 

Durante muitos anos era hábito passar algumas semanas de férias na costa da caparica... para fazer o "aquecimento" para o resto do verão!

 

A minha mãe ia beber café a um café mínimo no centro comercial O Pescador, e eu tinha direito a uma queijada de cenoura, e a acompanhar, um rebuçado de café. Doce e amargo, amargo e doce, aquele rebuçado era o meu café.

 

Desde esse dia, onde quer que esteja, onde quer que os veja, eu e os rebuçados de café somos um só!

 

No sábado usei um tapa-chuva que não vestia há muito tempo. Levo a mão ao bolso, encontro sempre alguma coisa, e surpresa.... rebuçados de café! Dois. Lindos. Saborosos. À minha espera.

 

Não é um rebuçado de café qualquer. É este, ou a versão azul sem açúcar. Mais nenhum!

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


2 comentários

Imagem de perfil

De Happy a 12.03.2018 às 18:23

É tão bom encontrar tesouros esquecidos dentro de bolsos!
Imagem de perfil

De Catarina a 14.03.2018 às 12:18

É mesmo! Como sou bastante desarrumada volta e meia tenho esta sorte!

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor



Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D